Entrar em contato | contato@bodoquenanews.com.br
Bodoquena promove meia maratona de trilha no coração da serra
05 de Julho de 2017, 12:29 h
Por Pedro Henrique Amaral, Portal da Educativa


05071701129 corrida em bodoquena ms

Bodoquena, no sul de Mato Grosso do Sul e ao lado de Bonito, está se tornando um dos principais destinos de provas de aventura e resistência, onde os atletas ganham fôlego buscando o limite entre os cânions da serra que leva o nome da pequena cidade. No dia 24 de setembro, a prefeitura local promove a Corrida de Trilha Serra da Bodoquena, um verdadeiro desafio para novos e experientes atletas.


O cenário é a serra, suas cachoeiras e águas cristalinas, mas os participantes terão alguns desafios pela frente em um percurso com rios (rasos), terrenos acidentados, trechos íngremes, estrada de chão batido, obstáculos naturais morro e quedas de água, passando pelo Parque Nacional Serra da Bodoquena. Será a primeira meia maratona de montanha realizada no Estado.


“É um local ideal para esse tipo de prova e estamos atraindo atletas de todo o Brasil”, comemora a secretaria municipal de Turismo, Cultura, Meio Ambiente e Desenvolvimento, Vivian Cruz, destacando o apoio do Governo do Estado, através da Fundesporte (Fundação de Desporto e Lazer).e.


Com distâncias distintas de 12k e 21k e nas categorias Individual masculino e individual feminino, a corrida acontecerá em qualquer condição climática. As inscrições encerram-se em julho e podem ser feitas pelo site (endereço abaixo). O percurso é demarcado com fitas, cal e placas sinalizadoras. O evento terá largada e chegada no Refugio Canaã (Cara da Onça, Bodoquena). A largada será às 8h em pelotão único.


Poucas vagas


Com número limitado de participantes (700), a trilha já conta com mais de 300 inscritos, dentre os quais Marcelo Sinoca, um dos maiores corredores de montanha do Brasil (campeão da Jungle Marathon e tem histórias incríveis pelas provas mais importantes do trail mundial), hoje praticando o trail running, patrocinado pela The North Face e proprietário /treinador da assessoria de corrida Trail Runners Brasil.


Todo o suporte para garantir segurança, alimentação e boa estadia será oferecido pela organização do evento, que trabalha com a cidade de Bodoquena e toda a região cortada pelo Rio Salobra e considerada uma das mais bonitas e inexploradas do País. Mais de duas mil pessoas estão envolvidas na prova


Os hotéis parceiros da Corrida de Trilha da Serra da Bodoquena estão oferecendo preços especiais aos participantes, que terão 12 áreas de camping como opção de hospedagem. Segundo a secretaria Vivian Cruz, embora o mês de setembro seja de baixa temporada, a rede hoteleira está praticamente ocupada na semana da prova.



Saiba mais


A Serra da Bodoquena está localizada na área de junção dos biomas: Pantanal, Chaco e Cerrado. Esse fator gerou uma imensa biodiversidade, o qual é a principal causa da exuberância das paisagens, da fauna e da flora na região.


O município de Bodoquena, hoje com uma população de oito mil habitantes, foi elevado a distrito em 1980, quando recebeu o novo povoado a denominação de patrimônio do Campão, atual cidade de Bodoquena.


Bodoquena é um lugar onde é possível ficar em harmonia com a natureza, um lugar quase intocado pelo homem. Possui infra estrutura turística, atrativos naturais como balneários, cachoeiras, trilhas, fauna e flora,  rios altamente piscosos, culinária típica da região, festas religiosas e folclore. A cidade está no coração da Serra da Bodoquena, então considerada cidade serrana.


A 70 km de Bonito (trecho recentemente asfaltado), um dos destinos ecoturísticos mais preservados do Brasil, encontra -se a entrada para uma das principais unidades de conservação do Estado de Mato Grosso do Sul, o Parque Nacional da Serra da Bodoquena.


A Serra da Bodoquena possui a maior extensão de florestas naturais do Estado, é um divisor de águas e é responsável por todas as nascentes dos rios cristalinos da região, como a Salobra,o Prata, o Formoso, o perdido e o Sucuri.


A região ainda sofre com as ameaças de madeireiros, invasores, incendiários e grileiros em sua volta. Desde a década de 80, dezenas de profissionais, pesquisadores, conservacionistas e entidades governamentais e não governamentais, reivindicam a proteção especial desta área, que assegura ser uma região de alta biodiversidade de importância mundial.


O acesso rodoviário à região, a partir de Campo Grande, é pela rodovia BR 262 até Miranda, na entrada do Pantanal, de onde se segue por mais 60 km pela MS-178.  Estrada em boas condições, bem sinalizada e de pouco tráfego, mas é preciso tomar cuidado com bichos cruzando o asfalto, como anta e cervo.


 


Sílvio Andrade – Lugares ECO


22 de Setembro, 2017
Bodoquena divulga campanha de vacinação contra a raivaO mutirão, que será realizado pelo Serviço de Controle de Vetores, ocorrerá nos dias 23 e 30 de setembros na Pedro Antônio de Lima e Praça da Liberdade.
21 de Setembro, 2017
Ministério do Esporte confirma emenda de DagobertoO deputado Dagoberto Nogueira (PDT) recebeu a confirmação do ministro do Esporte do envio de R$ 150 mil para a realização de um evento em Bodoquena.
20 de Setembro, 2017
Corrida de Trilha lota a rede hoteleira de BodoquenaA primeira Corrida de Trilha da Serra da Bodoquena, que reunirá pelo menos 400 atletas profissionais e amadores em uma prova de grandes desafios neste domingo.